Um exercício simples que pode te ajudar muito!

 

 

Existe um exercício chamado de Jin Ju Du Li que é descrito como uma efetiva ferramenta de avaliação (veja aqui) e aprimoramento da saúde em diferentes aspectos (veja aqui),

 

O aumento da  independência dos idosos, a melhora do equilíbrio e a redução do risco de quedas são benefícios associados com a prática desse exercício.

 

Ele consiste em ficar em uma perna só, preferencialmente de pés descalços, e com os olhos fechados.

 

Usando o tempo que você consegue se manter na posição é possível  avaliar o declínio da saúde para uma idade correspondente.

 

Caso você não consiga ficar 5 segundos sem se desequilibrar, sua saúde seria equivalente a de uma pessoa de 65 anos (claro que uma pessoa de 65 pode ser extremamente saudável, mas nesse caso refere-se a um declínio das funções corporais).

 

Quanto mais tempo na posição, melhor será o resultado e melhor será sua saúde.

 

Mas! Será que um exercício tão simples pode ser tão benéfico?


Vamos ver alguns trabalhos sobre o tema!


Why not use your own body weight to prevent falls? A randomized, controlled trial of balance therapy to prevent falls and fractures for elderly people who can stand on one leg for ≤15 s.


Este trabalho foi publicado em 2013 na revista da Associação Japonesa de Ortopedia, ele envolveu dois grupos de total de 164 homens e 701 mulheres com média de 75 anos. Um grupo realizou por 6 meses um exercício chamada de "flamingo" (permanecer em uma só perna com os olhos abertos) por 1 minuto por dia e um grupo controle não fazia o exercício. Após 6 meses de treinamento os autores verificaram que houve um aumento significativo na independência em relação as atividades diárias e uma redução no número de quedas.


Essa informação pode servir para sustentar um benefício bastante positivo desse tipo de exercício (Jin Ji du Li) que é o aumento da independência de idosos e o aumento da sua segurança durante a execução das atividades diárias, já que pode ocorrer uma redução do risco de quedas.


Uma coisa interessante de comentar é o fato de que no trabalho citado acima o exercício era executado com os olhos abertos. O fato de no Jin Ji Du Li a execução ser feita com os olhos fechados pode trazer ainda mais benefícios. Vejamos o trabalho seguinte.


Aging and balance control in response to external perturbations: role of anticipatory and compensatory postural mechanisms.


Neste trabalho os autores avaliaram a capacidade de idosos de fazer ajustes compensatórios e antecipatórios na sua postura frente há algum tipo de perturbação. Os idosos permaneciam em pé e sofriam perturbações (pequenos empurrões) na parte superior do corpo, esses empurrões eram avisados ou não. No final do estudo os autores concluíram que com o tempo os idosos passam a usar mais os ajustamentos antecipatórios e diminuem os ajustamento compensatórios, o que aumentaria a estabilidade na postura em pé.


Talvez possamos considerar que manter os olhos fechados como um tipo de perturbação que gera a necessidade de ajustamento da postura e consequentemente um maior aprimoramento do equilíbrio. 


O Tai Chi é uma atividade oriental que envolve uma série de movimentos realizados com controle e equilíbrio. Muitas vezes são realizados exercícios com a utilização do apoio em uma só perna.

 

 

Essa atividade foi estudada em relação a diversos pontos da saúde, vamos ver alguns deles e avaliar se é possível fazer uma associação com o Jin Ji Du Li.

 

Effects of Tai Chi on balance and fall prevention in Parkinson's disease: a randomized controlled trial.


O objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos do Tai Chi sobre o equilíbrio e a mobilidade de pacientes acometidos do Mal de Parkison e também determinar se poderia ocorrer uma diminuição do número de quedas. Portadores da doença com mais de 40 anos foram divididos de forma aleatória em dois grupos, um grupo controle (que não praticou Tai Chi) e outro grupo que praticou Tai Chi por 12 semanas. Ao final do período de treinamento o grupo que praticou Tai Chi melhorou seu equilíbrio e apenas 8 pessoas do grupo do Tai Chi (eram 37 pessoas nesse grupo) tiveram eventos de queda, enquanto no grupo controle (composto por 39 pessoas) 19 pessoas tiveram eventos de queda. 


Esse estudo reforça o conceito de que exercícios como o Jin Ji Du Li possam ser importantes para um aprimoramento do equilíbrio e redução de quedas não somente para pessoas saudáveis como também pessoas com patologias. 

 

Effects of Tai Chi exercise on blood pressure and plasma levels of nitric oxide, carbon monoxide and hydrogen sulfide in real-world patients with essential hypertension.


Neste trabalhos pessoas hipertensas foram colocados em dois diferentes grupos: praticantes de Tai Chi (24 pessoas) e não praticantes (16 pessoas). O grupo praticantes fazia exercícios 6x/sem durante 60 minutos por 12 semanas. Ao final do período de treinamento o grupo que praticou Tai Chi teve sua pressão arterial média, diastólica e sistólica reduzida em relação ao grupo sedentário.


Isso mostra que a afirmação de que o Jin Ji Du Li pode combater a hipertensão pode ser verdadeira. Porém é importante frisar que o volume de exercício realizado neste trabalho, seja por dia ou por semana, é bastante superior ao volume que foi realizado pelos exercícios de equilíbrio nos trabalhos mostrados anteriormente. Isso significa para alterações que envolvem a hipertensão talvez seja necessário um volume de exercício maior do que realizar Jin Ji Du LI um, dois ou três minutos por dia.


Nos trabalhos citados anteriormente a população envolvida era de idosos ou pessoas com mais de 40 anos. Será que esse tipo de exercícios pode ser benéfico para pessoas mais jovens?

 

Tai chi training reduces self-report of inattention in healthy young adults.

 

Este trabalho a avaliou a influência do Tai Chi sobre os sintomas de déficit de atenção de mulheres entre 19 e 24 anos.  44 fizeram parte do grupo controle (sem Tai Chi) e 28 fizeram parte do grupo que praticou Tai Chi. Os resultados mostraram que o Tai Chi pode diminuir os sintomas de déficit de atenção.


Vemos então uma possibilidade que exercícios de equilíbrio possam também ser positivos para pessoas mais jovens.

 

Trabalhos científicos conhecidos como meta análises geram informações de grande significado na área da saúde (leia mais aqui). Vamos ver a influência dos exercícios de Tai Chi sobre o câncer.

 

Health benefits of qigong or tai chi for cancer patients: a systematic review and meta-analyses.


Este trabalho encontrou efeitos positivos do Tai Chi sobre a qualidade de vida, níveis de fadiga, sistema imunológico e níveis de cortisol (hormônio do estresse) de pacientes com câncer. Porém é necessário cautela para a extrapolação desses resultados, pois o número de estudos experimentais (que fornecem informações científicas de maior confiabilidade leia mais aqui) incluídos nesta avaliação foi reduzido.


Bem! Considerando todas as informações científicas levantadas que pudessem nos fornecer uma ideia do real potencial de benefício do exercício chinês Jin Ji Du Li, podemos concluir que esse tipo de exercício pode trazer resultados positivos para fatores como equilíbrio e diminuição do risco de queda. Porém em relação às alterações positivas sobre a hipertensão arterial, o déficit de atenção e o câncer talvez seja necessário um volume maior de exercícios do que somente alguns minutos por dia.


Grande abraço!

Carlinhos

Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivos
Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Instagram ícone social
  • YouTube ícone social